domingo, 10 de abril de 2016

Na passada quarta-feira tivemos a visita da enfermeira de Saúde Escolar, Ana Lima, que nos veio falar da pediculose da cabeça, através da leitura da história Piolhex no Planeta Capitis de Manuela Mota Ribeiro.

A história do Piolhex e sua viagem destemida pelos Planetas Pensantes. O desenvolvimento dos ovos (lêndeas) que resulta da eclosão de piolhos jovens (ninfas), que, ao atingirem a fase de piolho adulto, se tornam capazes de se reproduzir.
O prurido ou comichão é um sintoma de alarme importante para que os pais observem cuidadosamente as cabecinhas e cabelos dos seus filhotes.
Gestos simples, usados numa fase precoce, como o uso de produtos capilares e um pente de dentes finos, resolvem esta doença contagiosa e muito normal nas crianças em idade pré-escolar e escolar.

Marta Moreira da Silva
Licenciada em Medicina
Especialista em Medicina Geral e Familiar






Sem comentários:

Publicar um comentário

Deixe aqui o seu comentário.